Viagem para Nova York: dicas e roteiro completo!

Viagem para Nova York

New York, New York… Frank Sinatra tinha toda razão, esta cidade nunca dorme e é tão maravilhosa que pretendemos voltar muitas vezes. Nesse post você vai encontrar tudo que precisa saber para organizar seu roteiro e viagem para Nova York!

É uma cidade que atende todos os públicos e todos os gostos, você consegue fazer passeios culturais maravilhosos, conhecer diversos museus incríveis, fazer muitas compras (sim, mesmo com o valor do dólar os preços são muito bons), comer muito bem e em restaurantes de cozinhas que você nem imaginava que existia, há inúmeras baladas animadas…

Enfim, não importa o que busque numa viagem, acreditamos que em Nova York você irá encontrar

Agora vamos ao que interessa!


Quando ir para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Na nossa opinião não há tempo ruim para ir para Nova York, em cada estação você encontrará na cidade diversos encantos e sua viagem será maravilhosa do mesmo jeito.

O inverno é de dezembro a março, foi a estação que escolhemos para ir dessa última vez. A média climática dessa época gira em torno de 2 graus Celsius.

A neve cai quase sempre, nem que seja por um dia, mas com tantas alterações climáticas, é difícil assegurar que você verá neve no período de sua estadia.

Viagem para Nova York
Central Park com seus lagos parcialmente congelados

Contávamos com o frio, claro, mas fomos surpreendidos com um frio tão grande que chegou assustando os próprios habitantes da cidade.

Para se ter uma ideia foi a segunda noite de Réveillon mais fria da história, com uma temperatura de -12 graus Celsius e sensação térmica em torno de -20 graus Celsius.

Nós estivemos na cidade de 28 de dezembro de 2017 a 09 de janeiro de 2018 e, em nenhum dia pegamos temperatura positiva, o dia mais “quente”, se é que podemos assim chamar, foi com uma temperatura de mais ou menos – 3 graus Celsius.

Pegamos, ainda, uma nevasca muito grande, noticiada em jornais de todo mundo.

A neve em si, caiu dois dias (não seguidos), mas vimos a cidade branquinha o tempo todo, já que, com essa temperatura tão baixa, a neve não derretia.

Viagem para Nova York

Que é muito frio já sabemos, mas a pergunta principal é: vale a pena? Vale muito! Nós adoramos tudo e ficamos encantados com tanta neve.

Tem que se agasalhar muito bem, saber fazer uma boa composição de roupas térmicas e casacos pesados, não esquecer luvas e gorros. Se estiver bem protegido do frio, com certeza irá aproveitar esse clima.

primavera vai de março a junho. Você ainda precisará de um casaco de frio, mas encontrará a temperatura mais amena e os parques lindíssimos e floridos.

O verão começa em meados de junho e vai até setembro.

Aqui você não precisará mais de casacos para andar nas ruas e alguns dias chegam a ser quase insuportáveis de tão quentes.

O clima é úmido, então ainda rola aquela sensação de estar com a pele “pregando”.

O outono vai de setembro a dezembro. A estação começa bastante quente, mas termina gelada, em razão da aproximação com o inverno.

Eu Thais, já visitei Nova York antes nessa época e adorei, aquelas folhagens são maravilhosas e você consegue usar camiseta, por exemplo, mas é bom levar um casaco mais pesado porque alguns dias há bastante vento gelado.

Para se ter uma ideia da variação do clima, eu peguei neve em novembro de 2012, coisa rara de se ver nessa época.

Assim, não há uma época mais indicada para ir para a cidade, tudo depende do que você procura e se está disposto a enfrentar o clima que te espera.

Em todas estações, como dissemos, há coisas incríveis para se fazer e nem neve ou chuva é capaz de atrapalhar o passeio.


Como chegar em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Há diversas companhias aéreas que possuem voos diretos para Nova York. É o caso, por exemplo, da LATAM, Delta, United, Avianca, American Airlines.

O voo direto, saindo de São Paulo, por exemplo, demora em torno de 10 horas, mas… claro… é mais caro que um voo com escalas.

Nós encontramos um voo da Avianca, saindo de São Paulo, com escala em Bogotá, em uma promoção.

Quem já leu nossos posts anteriores sabe que, apesar de morarmos em Brasília (cidade que até que possui muitos voos), raramente compramos nossos voos partindo daqui porque o preço sai sempre muito mais caro.

Assim, nossa sugestão é sempre fazer a comparação do preço saindo da sua cidade para o destino e, depois de São Paulo (ou Rio de Janeiro) para o destino.

Nós quase sempre compramos os voos saindo de SP ou RJ e depois compramos o voo de Brasilia para lá separadamente.

Um excelente site para pesquisar preços de passagens aéreas é o Skyscanner.

Viagem para Nova York

Onde ficar hospedado em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Para quem não sabe, a cidade de Nova York é composta por cinco distritos, que são: Manhattan, Brooklyn, Bronx, Queens e Staten sland. Conforme mostra o mapa abaixo:

Viagem para Nova York
Imagem do wikipedia

Manhattan é o distrito mais antigo de Nova York e, também, o local mais procurado pelos turistas, considerando que é onde se concentra o maior número de atrações da cidade.

Lógico, também é o lugar onde a hospedagem é mais cara.

Manhattan é constituída por três partes: downtown, que é a região sul, onde está o Wall Street, Chinatown, SoHo, o marco zero e o memorial 11 de setembro; midtown, que é a região mais buscada pelos turistas, é a mais central, onde está a famosa Times Square, os teatros da Broadway, vários museus, lojas, etc e uptown, que é uma área predominantemente residencial.

Se seu orçamento permitir, em sua viagem para Nova York fique em Manhattan e escolha algum hotel em Midtown, conseguirá, assim, conhecer muita coisa caminhando.

Os hotéis com preços um pouco mais acessíveis são velhos, com carpete (cuidado se você for alérgico!), sem café da manhã e, muitas vezes, sem internet Wi-fi grátis.

No entanto, algumas vezes são tão bem localizados que vale a pena!

Independente do bairro onde pretendam se hospedar o mais importante é conferir se há alguma estação de metrô por perto, com ela você resolve sua vida facilmente para passear pela cidade.

Abaixo estão alguns hotéis com excelentes localizações e boas avaliações no TripAdvisor:

  • Vanderbilt YMCA – diária a partir de 400 reais
  • Pod 51- diária a partir de 500 reais
  • The Manhattan at Times Square Hotel – diária a partir de 600 reais
  • Mayfair New York – diária a partir de 600 reais
  • Clarion Hotel Park Avenue – diária a partir de 600 reais
  • TRYP By Wyndham Times Square South – diária a partir de 600 reais
  • DoubleTree by Hilton Metropolitan – New York City – diária a partir de 700 reais
  • Row NYC – diária a partir de 700 reais
  • Wellington Hotel – diária a partir de 750 reais
  • Wyndham New Yorker – diária a partir de 800 reais
Booking.com

Como dissemos, a hospedagem em Manhattan/Midtown é mais cara, então se a prioridade não for estar bem localizado e, consequentemente, economizar, procure em outras regiões.

Nós nos hospedamos em um apartamento, encontrado pelo Airbnb, em Hell’s Kitchen, é um bairro super charmosinho, repleto de restaurantes e caminhando duas quadras estávamos na Times Square.

Valeu muito a pena e, para se ter uma ideia, saiu exatamente a metade do valor de um hotel na região, para o mesmo período.

Mas, nós fomos em dezembro de 2017 e, em agosto de 2018 foi publicada uma lei proibindo o uso do Airbnb na cidade, pelo menos para hospedagens inferiores a 30 dias.

Assim, embora saísse mais barato, mesmo que encontre hospedagem pelo Airbnb, não recomendamos, pois a fiscalização está agindo e você pode acabar tendo algum problema.

Booking.com
Viagem para Nova York
Hell’s Kitchen

Você sabia que nós nos casamos nas Maldivas? Temos um post incrível contando tudo! É só clicar aqui!


O que visitar em uma viagem para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Há muito, muito mesmo o que visitar e uma única viagem para Nova York com certeza não será suficiente. No entanto, o importante é criar uma ordem de prioridades de acordo com o estilo, tempo e disponibilidade financeira.

Vamos mencionar aqui alguns dos principais pontos turísticos e passeios possíveis, muitos gratuitos e outros pagos.

Ao definir um roteiro, faça um cálculo do preço de cada lugar pago que você deseja visitar, é muito possível que compense financeiramente a aquisição do The New York Pass ou do New York CityPass.

São talões de ingressos que você pode adquirir nos sites próprios deles ou em outros intermediários (o nosso adquirimos no Expedia e valeu muito a pena).

Viagem para Nova York

Atividades gratuitas:

Times Square

É um lugar que não pode faltar na sua viagem para Nova York.

Um dos principais símbolos da cidade é formada pela junção da Broadway com a Sétima Avenida. Há enormes telões, letreiros luminosos e lojas incríveis, passar por lá a noite te faz esquecer que horas são. Mesmo para quem não é viciado em compras vale a pena caminhar pela região.

Viagem para Nova York

5ª Avenida

É a avenida mais chique e famosa da cidade e também próxima ao Central Park.

Central Park

O Central Park é lindo e fica no coração de Manhattan. Há diversas atrações para todas as estações do ano.

É possível encontrar jogos de baseball, basquete, shows, lagos belíssimos, zoológico, castelo de rochas, cachoeiras escondidas, restaurantes, é possível alugar barco a remo, bicicletas, charretes e, no inverno, patinar no gelo, etc.

Enfim, permita-se caminhar e descobrir as belezas desse lugar.

Também consideramos indispensável passar por aqui em sua viagem para Nova York.

Viagem para Nova York

Caminhada pelo SoHo, Little Italy e Chinatown

São três bairros distintos e que podem ser conhecidos em um mesmo dia.

O SoHo é um bairro descolado, jovem e onde muitos artistas possuem galerias. Little Italy é um pedacinho da Itália, com cantinas de excelente qualidade. Chinatown é onde se concentra a maior comunidade chinesa do ocidente.

Nós não tivemos oportunidade de conhecer, mas parecem bem legais.

Grand Central Terminal

É um importante terminal ferroviário e metroviário, sendo considerada também a maior estação de trem do mundo. Há uma variedade enorme de lojas e restaurantes. Além disso, pela beleza do lugar, da decoração e suas pinturas vale a pena a visita.

Nós gostamos muito desse lugar!

Viagem para Nova York

Brooklyn Bridge

A ponte do Brooklyn é uma das mais antigas pontes de suspensão dos Estados Unidos e de onde se pode ter uma vista de toda cidade de Nova York. Os carros passam por baixo e os pedestres e ciclistas por cima. Vale a pena a caminhada por ela até chegar ao Brooklyn, que demora em torno de 30 minutos.

Infelizmente não conseguimos visitar por conta do frio, a temperatura estava abaixo de -10 graus, com uma sensação térmica ainda pior. É um passeio que ficará para a próxima viagem!

Wall Street

A rua Wall Street é o ponto principal do sistema financeiro norte americano.

É onde é possível encontrar o famoso Touro de Wall Street, escultura incrível em bronze, que pesa cerca de 4 toneladas.

Há milhares de pessoas esperando por uma foto, mas vale a pena visitar, é um clássico!

Viagem para Nova York
Há uma multidão esperando para tirar uma foto com o touro

Queens

Apesar de ser um distrito pouco visitado, nós adoramos (tanto que fomos duas vezes).

Primeiramente, não podemos negar, porque é onde encontramos as coisas mais baratas para comprar, segundo porque ele tem um charme próprio, com suas casinhas e parques lindos, como o Flushing Meadows – Corona Park.

Super indicamos uma passada lá em sua viagem para Nova York.

Viagem para Nova York

Se sua pegada for comprar, leve uma mala ou compre uma lá. Sério. Não tenha vergonha, se não nos escutar vai se arrepender ao precisar voltar de metrô cheio de sacolas hehehe.

Broadway

Caminhar pela Broadway é um passeio gratuito e imperdível também, você vê vários teatros incríveis, onde rolam os musicais mais famosos do mundo. No entanto, se quiser ver um dos shows terá que comprar um ingresso que não é nada barato. Os preços dos musicais mais procurados giram em torno de 500 reais, mas é possível encontrar alguns na faixa de 300 reais.

A maior sugestão é ir, no dia que pretende assistir um musical, ao quiosque da TKTS que fica na Times Square, lá é possível adquirir um ingresso com descontos que variam de 20 a 50%. A venda é só para musicais que vão acontecer no mesmo dia e também não há uma garantia de que irá encontrar vagas disponíveis para as peças mais concorridas.

Marco Zero e Memorial 11 de setembro

O marco zero o local onde ficavam as torres gêmeas antes do atentado do 11 de Setembro. É onde também está o memorial construído em homenagem às vítimas do ataque terrorista. O passeio pela área é gratuito, sendo apenas cobrado ingresso de quem deseja visitar o museu do 11 de setembro.

Viagem para Nova York

Passeios pagos:

Empire State

É um edifício de 102 andares e foi, por muito tempo, o prédio mais alto do mundo. É um grande símbolo da cidade e onde foram filmados famosos filmes, como o King Kong.

A entrada para adulto custa 37 dólares (para acesso até o 86º andar) e 57 dólares (para acesso ao 86º e 102º andar). (valores em janeiro de 2018)

Caso adquira o New York City Pass ou o The New York Pass, a entrada está incluída.

Viagem para Nova York

Deque de observação do Top of the Rock

É um observatório localizado no GE Building, edifício que compõe o Rockefeller Center. Há uma vista incrível de toda a cidade.

A entrada, para adulto, custa 34 dólares. (valor em janeiro de 2018)

Caso adquira o New York City Pass ou o The New York Pass, a entrada está incluída.

Madame Tussauds

É um museu de cera, como famosos artistas esculpidos em tamanho real. Já vimos algumas fotos e, pessoalmente, não achamos graça alguma. Não visitamos, mas há quem goste e tenha se divertido lá.

Há vários preços de entradas que partem de 29 dólares. (valor em janeiro de 2018).

O passeio também está disponível para quem adquire o The New York Pass.

Viagem para Nova York

Estátua da Liberdade

É, muito provavelmente, o monumento mais famoso da cidade e um dos mais conhecidos do mundo. Fica na Ellis Island e o acesso se dá de barco. Vale muito a pena, mas se prepare para pegar esperar em uma fila que demora mais de uma hora.

Há vários tipos de ingressos, um que te permite acessar a ilha, outro que te permite acesso ao pedestal e um que te permite acessar a coroa da estátua.

Os preços das entradas partem de 29 dólares. (valor em janeiro de 2018).

Caso adquira o New York City Pass ou o The New York Pass, o acesso à ilha está incluído.

Para quem quer economizar e não faz questão de descer na ilha, há um ferry que passa pertinho da estátua gratuito também.

Viagem para Nova York

Assistir a um jogo de Basquete

O basquete da NBA é um dos esportes mais populares e os jogos são uma atração sensacional, super animados e divertidos mesmo para quem não é muito fã do esporte.

A temporada começa em outubro e termina em abril, mas saiba que os preços não são nada baratos.

Um bom site para pesquisar valores é o Ticket Network.

Compras nos Outlets

Jersey Garden x Woodbury

São os principais outlets visitados por turistas que estão em Nova York.

O primeiro fica na cidade de Elizabeth, em New Jersey, e é um shopping fechado, muito recomendado para a época do frio. É fácil ir de ônibus, por uma passagem que custa 14 dólares (ida+volta) e o trajeto demora mais ou menos 40 minutos (sem trânsito).

O Outlet Woodburry é um pouco mais distante, podendo o trajeto demorar 1h30 e as passagens de ônibus custam a partir de 35 dólares (ida+volta). É aberto, então pouco indicado para épocas frias, caso contrário terá que por todas suas camadas de roupas após sair de uma loja e retirar logo em seguida ao entrar na próxima.

Conhecemos os dois e adoramos ambos. Há lojas incríveis e o preço realmente é muito inferior ao encontrado no centro de Nova York.

Se o orçamento da viagem estiver tranquilo, o jeito mais cômodo é contratar um guia particular, que fica esperando por você e guardando suas sacolas no carro. Claro, esta opção é beeeem mais cara, mas se estiverem em grupos grandes, talvez compense.

Independentemente da sua escolha, caso não vá com um motorista particular ou de carro, não esqueça de levar sua mala, caso não queira comprar uma lá. É super normal ver pessoas passando por você com malas imensas de viagem. As compras, como dissemos, continuam valendo muito a pena e voltar para casa com milhares de sacolas penduradas não é nada agradável.

Viagem para Nova York
No Jersey Gardens há um livro de descontos que você adquire na entrada por 5 dólares, vale muito a pena! Há descontos adicionais para quase todas as lojas.

City Tour em Washington

Claro, não se enquadra exatamente no título “o que fazer em Nova York”, mas resolvemos indicar aqui porque gostamos muito desse passeio e vale bastante a pena caso você fique em Nova York por mais de uma semana.

Reservamos pelo Expedia esse passeio e eles não pegam a gente no hotel/apartamento, devendo encontrá-los às 07h da manhã no lugar determinado. Demoramos praticamente 4 horas para chegar lá e há uma guia brasileira acompanhando o tempo inteiro.

O preço do passeio foi 500 reais por pessoa.

Viagem para Nova York
Monumento a Washington

Alguns museus:

Museu Americano de História Natural

Este é o mais divertido, na nossa opinião. É muito interessante para crianças, mas também os adultos se divertem muito. É o museu do filme “uma noite no museu” e é conhecido por sua grande coleção de fósseis, principalmente os de dinossauros.

Além disso, é o maior museu de história natural do mundo.

Uma dica muito importante é baixar o aplicativo do museu, ele ajuda demais! Além de mostrar onde estão os setores, traça uma rota para você chegar mais fácil.

O ingresso avulso custa 23 dólares para adulto e também está incluído no New York Pass e no New York City Pass.

Viagem para Nova York

Museu do Memorial 11-09

É no mesmo local do memorial. A visita é triste, mas muito emocionante. Gostamos muito e achamos que é um passeio que vale muito a pena.

O ingresso avulso custa a partir de 24 dólares para adulto, mas o acesso está incluído no New York Pass e no New York City Pass.

Viagem para Nova York

Metropolitan

É o maior museu de Nova York com uma coleção de obras de artes de todo o mundo.

O ingresso adulto custa 25 dólares.  O acesso está incluído no New York Pass e no New York City Pass.

Guggenheim

É um museu de arte moderna e contemporânea e o prédio tem um formato incrível.

O ingresso adulto custa 25 dólares.  O acesso está incluído no New York Pass e no New York City Pass.

MOMA

É o museu de arte moderna de Nova York, com uma coleção incrível de variados artistas, dentre os quais van Gogh, Camille Pissarro, Cézanne, Gauguin, Edvard Munch, etc.

Atenção! A entrada para o MOMA não está incluída no City Pass Museum e custa 25 dólares. No entanto, normalmente, às sextas-feiras após as 16h a entrada é gratuita. É uma parceira com a empresa Uniqlo. Chegamos nesse horário por acaso e estranhamos a espera na fila (de uma meia hora) e só depois descobrimos que não pagaríamos a entrada. É bem mais cheio que o horário comum, claro, mas conseguimos visitar aproveitar bem o museu.

O MOMA não é aberto para visitação nas terças-feiras.

Viagem para Nova York

Museu Intrépido do Mar, Ar e Espaço

O museu está localizado no interior do porta-aviões Intrepid. Ao explorar o Museu, você poderá examinar artefatos originais, ver imagens históricas e explorar exposições interativas.

O ingresso custa 33 dólares e está incluído no New York Pass e no New York City Pass.

Brooklyn Museum

É o segundo maior museu de Nova York, com obras incríveis divididas em cinco andares.

Não abre as segundas e terças-feiras. O ingresso custa a partir de 16 dólares para adultos. Está incluído no New York Pass.


Quanto tempo ficar em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Mais uma vez precisamos dizer, é relativo e depende da disponibilidade de tempo e dinheiro de cada um. É capaz de você morar em Nova York por anos e continuar descobrindo coisas novas a cada dia.

No entanto, indicaríamos pelo menos 5 dias inteiros na cidade. Acho que é um tempo interessante para conhecer os principais pontos turísticos, mas saiba que vai ficar com gostinho de quero mais.

Quem estiver indo no inverno terá mais dificuldades ainda para aproveitar a cidade, uma vez que escurece muito cedo e o frio aumenta muito, muito mesmo a noite. Pela manhã, também em razão do frio, é difícil conseguir acordar muito cedo para começar os passeios.

Viagem para Nova York

Sugestão de Roteiro de uma viagem de 9 dias em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Bom, vamos sugerir um roteiro não muito corrido, parecido com o que fizemos,  mas se você tiver menos tempo, dá para condensar algumas atividades no mesmo dia.

Dia 1

Caminhada pela Times Square e ida ao Museu de História Natural

Viagem para Nova York

Dia 2

Museu Guggenheim e passeio no Central Park

Viagem para Nova York

Dia 3

Ida a um Outlet

Dia 4

Ida ao MOMA e ao Rockefeller Center

Viagem para Nova York

Dia 5

Passeio no Queens

Viagem para Nova York

Dia 6

City Tour em Washington

Dia 7

Metropolitan Museum e ida ao Brooklyn

Dia 8

Estátua da Liberdade, Memorial 11/09 e Wall Street

Dia 9

Ida ao Empire State e ver alguma peça da Broadway

Viagem para Nova York

Veja é um roteiro bem tranquilo e não lotado de atividades por dia. É o estilo que gostamos de fazer e, claro, esta viagem permitia isso.

O tempo que sobrava andávamos por nossa conta descobrindo cantinhos novos, restaurantes, cafés, voltando em alguma loja legal, coisas do tipo.

Ademais, se a estação estiver muito fria, como a que fomos, é melhor não inventar muita coisa por dia, pois você naturalmente fica mais “lento” e menos disposto a ficar de correria de um lado para outro.


Como se locomover em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Basicamente indicamos três meios de locomoção: metrô, Uber e caminhadas.

A forma mais econômica é caminhar até os pontos turísticos desde que, claro, o local de sua hospedagem permita isso, seja próximo.

As quadras de Nova York são divididas por ruas paralelas e numeradas em sequência, então é fácil se orientar, mesmo os mais perdidos.

A segunda opção que indicamos é o metrô. É muito prático e fácil de usar. Você adquire o cartão magnético por 1 dólar e o abastece com a quantia que desejar, é mais econômico comprar o Unlimited Ride semanal, que custa 32 dólares.

Você consegue usar o transporte por uma semana de forma ilimitada, desde que respeite um intervalo de 20 minutos antes de passá-lo novamente.

Para saber qual linhar pegar usávamos o aplicativo Maps do Google, ele é bem preciso e ajudou mais que alguns aplicativos de Nova York que baixamos.

O metrô funciona 24 horas, mas nem todas as estações abrem 24 horas, além disso, é importante observar o sentido que a linha vai na placa da estação (que normalmente se divide em Uptown e Downtown) porque não dá para entrar em qualquer estação, você precisar entrar no sentido “certo”.

Se está de frente a uma estação e precisa pegar o sentido downtown, mas está vendo uptown, normalmente é só atravessar a rua, que a entrada ‘certa’ estará logo lá.

O terceiro meio que usamos foi o Uber, mas poucas vezes, apenas quando o frio estava de matar (além da conta) e batia uma super preguiça de pegar metrô. No começo demoramos aprender como escrever o destino no aplicativo, já que é um pouco diferente do que estamos acostumados.

Táxis também são bons meios de transporte, mas não esqueçam de adicionar uma gorjeta no valor da tarifa final, que normalmente é em torno de 20%.

Viagem para Nova York

Restaurantes e Bares em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Come-se muito bem em Nova York, como já falamos, é possível encontrar estilos de cozinhas que a maioria das pessoas nem sabia que existia.

Mas… achamos caro, bem caro. Não que não valha a pena, mas é bom avisar porque muita gente viaja com um orçamento planejado.

No entanto, se a ideia for economizar, fast food é bem barato!

O combo de uma fatia de pizza (que equivale ao tamanho de 2 ou 3 fatias nossas) + um refrigerante grande é encontrado facilmente por 5 dólares.

Um italiano que adoramos e é bem conhecido porque tem um bom custo custo benefício é o Carmines. Fica na 200 W 44th, os pratos são muitoooooo bem servidos e com um excelente preço. Vale a pena conhecer!

Viagem para Nova York
Cardápio do Carmines. Os pratos servem duas pessoas muito bem

Nós raramente seguimos indicações de restaurantes, preferimos ir andando e descobrindo por nós mesmos e sempre encontramos coisas legais. Assim, como Nova York tem milhares de opções, nem ousamos indicar os melhores ou mais conhecidos dessa vez.

Um lugar bem legal para andar e conhecer bons lugares para comer é Hell’s Kitchen, o bairro com o mesmo nome do seriado do chef Gordon Ramsay.

Como já falamos, lá tem vários restaurantes, bares, diners, cafés, um do lado do outro, vale muito a pena.

Um diner (é com um N mesmo, não erramos), para quem não sabe, é um restaurante um pouco menos formal, com boas opções de café da manhã e brunch e preços mais acessíveis.

Viagem para Nova York
Café da manhã light em um diner hahaha

Segurança em uma viagem para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Nova York é uma das cidades mais seguras dos Estados Unidos, mas considerando que é muito movimentada e cheia, é sempre bom os velhos cuidados básicos com os pertences pessoais.

Evite andar com bens valiosos a mostra e cuidado com os batedores de carteira, especialmente no metrô e lugares de maior aglomeração de pessoas.

Em razão dos episódios de terrorismo que existiram, em vários pontos turísticos é necessário passar por detectores de metais e, muitas vezes, olharão no interior de sua bolsa ou mochila.


Idioma em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


O idioma mais falado é o inglês, claro, mas é fácil encontrar pessoas que falam espanhol em todo lugar que você visita.

Viagem para Nova York

Moeda e Gastos em uma viagem para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


A moeda oficial é o dólar americano (USD) e a cotação não anda mais tão favorável para os brasileiros que tanto viajavam para os Estados Unidos com a intenção de fazer compras.

*O dólar da nossa viagem (dezembro de 2017) foi comprado na cotação de 3,45 reais.

Passagem aérea. Nova York é um cidade para a qual sempre aparecem promoções. É possível encontrar voos, por exemplo, na faixa de 1700 reais por pessoa, com taxas incluídas.

Alimentação. Os gastos médios diários com alimentação variam muito,  mas diríamos que um café da manhã para um casal custa em média de 20 a 30 dólares.

Um almoço numa rede tipo Apple Bee’s sai em média 60 dólares por casal, um jantar sem bebida alcoólica sai 80 dólares por casal e, com bebida alcoólica a partir de 120 dólares. 

Fast food é barato, dá para fazer uma refeição por até 10 dólares.

Viagem para Nova York

Transporte. O metrocard para corridas ilimitadas por 7 dias custa 32 dólares.

Passeios.  Achamos o city pass museum mais vantajoso e pagamos mais ou menos 370 reais por pessoa. O city tour em Washington custa mais ou menos 500 reais por pessoa.


Chip de Celular em Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Compramos um chip na loja Best Buy de 6Gb por 60 dólares e achamos que vale muito a pena.

Não é tão fácil encontrar redes Wi-fi liberadas e você precisará de internet em várias oportunidades, como para saber o metrô que deve pegar, cadastrar um cupom de desconto de uma loja ou ver se há determinado estabelecimento perto de onde você está.

Não é em toda viagem que compramos chip, mas nesta achamos que foi muito útil e importante.

Um detalhe importante é que a internet no aeroporto só está disponível gratuitamente por 30 minutos e nosso voo foi cancelado dois dias seguidos.

Assim, vimos muita gente perdida no aeroporto, sem ter como avisar a família do atraso ou, até mesmo, reservar um hotel, justamente porque não tinha um chip 3G local.


Seguro Viagem para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Ter um seguro na sua viagem para Nova York é muito importante.

Muitos imprevistos podem acontecer e o custo de um tratamento médico ou odontológico em outro país com certeza será bem elevado. 

Não fazer um seguro viagem é o tipo de economia que pode te custar muito caro depois. 

A Real Seguro viagem é a pioneira em comparação de seguros de viagem online no Brasil. Desde 2008 trabalha com seguradoras especialistas em atendimento ao viajante. Ela apresenta os melhores preços, de acordo com as suas necessidades. Nós usamos e recomendamos muito!

Faça um orçamento no banner abaixo e compare:

Viagem para Nova York
Pista de patinação no gelo do Rockefeller Center

O que levar em uma viagem para Nova York
cropped-cropped-img_0429.jpg


Depende da estação do ano que você for.

O inverno e o verão são estações bem definidas, mas se for na primavera ou outono precisará levar roupas frescas e também um casaco para possíveis dias frios.

Se for no inverno, leve roupa de frio ou, se preferir, deixe para comprar algumas peças lá.

Uma peça que compramos lá e fez muita diferença foi uma balaclava para frio, compramos numa banquinha na rua mesmo, por 10 dólares e nossa vida melhorou consideravelmente.

Viagem para Nova York
Frio quase nenhum hehehe

Além disso, saiba que precisará de duas luvas (não é exagero), meia térmica, segunda pele térmica, pelo menos um casaco bem grosso e quentinho, bota (se for pegar neve, leve uma impermeável).

Importante levar, também, um carregador portátil de celular, principalmente se você for no frio, isso porque baixas temperaturas descarregam a bateria do celular, passamos por isso várias vezes e é melhor não arriscar, já que acaba precisando do celular para se orientar e, claro, tirar fotos.

Adaptador de tomada também é bom não esquecer, já que o nosso padrão não é o utilizado lá.

Na verdade, nós mesmos não levamos quase nada, levamos uma mala pequena para os dois (tamanho bagagem de mão) e levamos outras malas vazias.

Fizemos muitas compras lá, pois mesmo com o dólar alto (pagamos 3,45 reais por dólar) diversas coisas compensavam.

Viagem para Nova York

Dicas Gerais
cropped-cropped-img_0429.jpg


  • Curiosidade. Ao contrário do que muitos pensam, a capital do Estado de Nova York não é a cidade de Nova York, mas sim Albany.
  • Visto. Todo mundo sabe, mas não custa relembrar, para entrar nos Estados Unidos é preciso de um visto americano. Então antes de programar sua viagem certifique-se que o passaporte e o visto estão com a validade em dia.
Viagem para Nova York
  • Entrando com dinheiro. Cuidado ao entrar nos Estados Unidos com dinheiro em espécie. O valor máximo permitido é 10 mil dólares, mas esse valor é POR FAMÍLIA e não por pessoa. Se você entrar sozinho ou com seu/sua marido/esposa o valor é o mesmo, não “dobra”.
  • Farmácias em Nova York. Nunca subestime uma farmácia em sua viagem para Nova York, elas são muitas vezes verdadeiros shoppings. Você encontra comidas variáveis, bebidas de todo tipo (alcoólicas e não alcoólicas), brinquedos, papelaria, itens para casa, inclusive de limpeza, artigos de viagem, cosméticos e, claro, remédios. Então se quiser comprar um lanche rápido ou água, por exemplo, basta procurar uma farmácia como a Walgreens que com certeza encontrará o que busca.
  • Imigração. É bem demorado o controle de fronteira, para se ter uma ideia, só conseguimos entrar no transporte que iria para o apartamento após 3 horas do desembarque. Tem guichês de autoatendimento, mas ainda assim você precisará passar por filas que demoram uma eternidade.
  • Não cogite alugar um carro. Os preços são absurdamente caros, não há onde estacionar e os preços dos estacionamentos são uma fortuna.
  • Gorjetas. Em todos os lugares que você for o atendente esperará uma gorjeta que varia de 15 a 20%, ela não estará incluída na conta, então não se esqueça de deixá-la separadamente.
  • New York Pass ou City Pass New York. Avalie os pontos turísticos que quer conhecer e qual atenderá melhor suas necessidades, mas veja, eles só valem a pena se você tiver certeza que irá em todas as atrações disponíveis, caso contrário as atrações isoladamente podem sair mais em conta.

Acho que é isso pessoal, Nova York é demais e esperamos voltar várias vezes ainda, espero que tenhamos conseguido passar um pouquinho do que é essa experiência maravilhosa e que tenham ficado com vontade de conhecer também ou, quem já conhece, de voltar!

Se tiver ficado faltando alguma coisa é só perguntar, teremos o maior prazer em ajudar no que for possível.

Viagem para Nova York

5 comentários »

  1. Muito bacana! Já Estive em NY duas vezes e estou indo pela terceira na quarta feira. Queria pegar um pouco da nevasca mas parece que já derreteu tudo por lá.

    NY é realmente um lugar para se visitar várias vezes. Quando fui da última vez visitei Niágara Falls e Washington. Só não acho que valha a pena pagar 500 reais pra fazer um bate e volta lá, preferi ficar 3 dias e visitei muita coisa.

    Iniciei um blog a pouco tempo para relatar minhas viagens. Já viajei muito por aí e tenho bastante história pra contar, quando retornar de NY vou escrever sobre o que passei.

    Se tiver interesse, dê uma passadinha lá no blog e deixe uma opinião. http://www.partiucomgrilao.wordpress.com

    • Legal demais! Adorei seu blog e vi que você já viajou bastante mesmo! Vou acompanhando seus posts, bom que vamos trocando figurinhas hehehe Deve ser show passar mais dias em Washington, pretendemos voltar depois, conhecer outros lugares dos Estados Unidos também!

      • Vou fazer um post sobre Washington com as fotos que tirei. Realmente tem muita coisa a ver por lá, vale até mais de 3 dias porque só o Air e Space Museum você pode facilmente usar um dia, aí entram o cemitério Arlington, Memoriais, outros museus e muito mais.

Deixe uma resposta